Movimentos sociais realizam ato em apoio à Venezuela nesta sexta (5)

Nesta sexta (5),  movimentos sociais realizam grande ato político-cultural em frente à embaixada da Venezuela, na 803 Sul, a partir das 9h. A ação, que acontece na data em que comemora-se a Independência do país, tem como objetivo relembrar a luta do povo venezuelano em defesa da sua soberania. A atividade é organizada pelo Comitê Abreu e Lima, de Defesa e Solidariedade à Venezuela.

O secretário de Políticas Sociais da CUT Brasília, Yuri Soares, destaca que o ato é uma demonstração de solidariedade ao país. Para ele , a ofensiva do imperialismo contra a Venezuela não é um fato isolado. Pelo contrário, “é a mesma ofensiva que apoiou o golpe no Brasil, que apoiou a eleição de Bolsonaro e que tenta tirar direitos da população em todo continente”.

“A solidariedade internacional e um dos princípios da CUT. Compreendemos que a classe trabalhadora é internacional e que precisamos lutar juntos para resistir a esse avanço do capitalismo que busca submeter os povos”, disse.

A Venezuela vem enfrentando uma campanha de desestabilização política, social e econômica, onde o imperialismo norte-americano busca sufocar a economia do país, com a imposição de duras medidas de embargo econômico, impedindo a chegada de produtos essenciais básicos à população, como alimentos e medicamentos.

Fonte: CUT Brasília com informações do Diário Causa Operária

Deixe um comentário:

Digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome