Servidores municipais de Valparaíso realizam assembleia em 13 de fevereiro

Na quarta-feira, 13 de fevereiro, os servidores públicos do Valparaíso se reúnem em assembleia para deliberação das reivindicações da Campanha Salarial de 2019. Outros temas também serão discutidos, como o enfrentamento para a aprovação imediata da revisão do Plano de Cargos e dos salários de todas as categorias. O encontro acontece na Praça da Etapa A do município, a partir das 15h.

De acordo com o SindsepemVal ― entidade que representa a categoria ―, para 2019, a Lei nº 1.254, de 14 de novembro de 2018, conhecida como Lei Orçamentária Anual (LOA), prevê reajuste salarial de 16,77% para os servidores públicos do município. “Essa margem é suficiente para atender nossas reivindicações”, diz nota do sindicato.

Para a garantia do reajuste e de todas as reivindicações do funcionalismo público, o Sindicato destaca que mobilizará a categoria, “compreendendo que, apenas através da mobilização, nossos direitos são conquistados”.

Vale Transporte Integral

Outra luta árdua do sindicato, que já dura anos, é quanto ao vale transporte integral, benefício pago apenas para alguns servidores. Já outra parcela, mesmo morando a quilômetros do local de trabalho, não tem direito ao benefício ou não recebe integralmente.

Após muitas investidas, a prefeitura publicou a Portaria nº 001 de 07 de janeiro de 2019, que prevê o recadastramento dos servidores para o recebimento do vale transporte.

Para se recadastrar, o trabalhador precisa comparecer à Secretaria de Administração e Recursos Humanos, portando originais e as cópias dos seguintes documentos:

– Identidade (RG) ou Carteira Nacional de Habilitação (CNH);
– CPF;
– Comprovante de residência atualizado no nome do servidor.

O prazo para atualização é até 15 de fevereiro.

Fonte: CUT Brasília com informações do SindsepemVal

Deixe um comentário:

Digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome