Bancários querem 12,5%, mais saúde e emprego e o fim de subcontratação e precarização

Rede de Comunicação dos Bancários

A 16ª Conferência Nacional dos Bancários aprovou na plenária final, realizada neste domingo 27 em Atibaia (SP), a estratégia, o calendário e a pauta de reivindicações da Campanha 2014, que terá como eixos centrais reajuste de 12,5%, valorização do piso salarial no valor do salário mínimo calculado pelo Dieese (R$ 2.979,25 em junho), defesa do emprego, fim da terceirização e combate às metas abusivas e ao assédio moral…Leia mais

Leia também:

Conferência aprova Carta de Atibaia, brado de guerra contra terceirização

Após terrorismo, bancários aprovam moção de repúdio ao Santander

Deixe um comentário:

Digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome